Atenção

Fechar

NOTÍCIAS

Revestimentos chegam às salas e quartos como protagonistas da decoração

22/02/2018 | A Tarde

Os azulejos modernos são destaque no ambiente, cercados por paredes e móveis neutros e objetos no tom da estampa

As paredes podem dizer muito sobre a personalidade dos moradores da casa; e quadros, pôsteres, adesivos e pinturas já são figurinhas carimbadas quando se trata de dar vida ao ambiente. Cada vez mais utilizados, os revestimentos, como ladrilhos e pastilhas, também são uma opção para quem quer uma parede de impacto e, com a evolução das tecnologias de impressão e material, contam com cada vez mais variedade nos modelos.

Antes reservados a cozinhas e banheiros, os revestimentos podem ser usados em qualquer ambiente e figuram em salas e quartos como protagonistas da decoração. Eles podem trazer cores vibrantes, ilusões de ótica, estampas ou imitar materiais como madeira e mármore.

“Gosto de usar revestimentos estampados ultracoloridos quando quero trazer algo diferente, que seja o centro das atenções do ambiente”, conta a arquiteta Carla Ribeiro. A profissional está utilizando em seu projeto mais recente um ladrilho cerâmico com estampa tropical, com direito a motivos florais e pássaros.

“Por ser uma área gourmet em uma casa de praia, cabe uma decoração mais descontraída”, conta a arquiteta, que está usando o revestimento em material cerâmico com acabamento esmaltado, indicado para áreas internas e externas com umidade.

Outra opção são as pastilhas, que podem vir em materiais como cerâmica, vidro e inox. Enquanto as primeiras trazem cores e texturas diferentes, podendo formar padrões ou desenhos na parede, as pastilhas inox têm acabamento espelhado e dão um ar moderno e luxuoso aos ambientes.

O revestimento que começa na parede e continua no piso traz a sensação de continuidade e um ar moderno

Como usar

O uso criativo dos revestimentos cria paredes de destaque no ambiente e pede que a decoração em volta seja bem planejada para não ficar over. “Quando a parede é o foco do ambiente, é preciso neutralizar os outros itens da decoração, para não sobrecarregar o ambiente”, explica a arquiteta Rebecca de Gonzaga.

É recomendável que os móveis em volta estejam em tons mais neutros, ou tragam cores complementares às da parede. No caso de ladrilhos estampados, objetos pontuais, como vasos, almofadas, bancos e esculturas, podem ser em cores encontradas na estampa.

Uma tendência na decoração é o uso de aplicações inusitadas, como pastilhas dispostas na diagonal no formato “espinha de peixe”. A técnica pede pastilhas maiores, de formato retangular. A ideia é imitar as aplicações de pisos de tacos. O uso de ladrilhos que começam nas paredes e ocupam também o piso traz um ar moderno.

Na hora da aplicação, é preciso atenção na escolha do rejunte. Ele pode tanto criar um contraste maior, no caso de argamassa branca em ladrilhos coloridos, como criar uma sensação de unidade, no caso do rejunte de cor igual ao do ladrilho.

É possível também optar por não usar rejunte, uma boa opção para dar unidade a ladrilhos estampados. “Se for numa área externa, o rejunte vai ser sempre necessário, mas para áreas internas pode-se usar a junta seca”, explica Carla. O arranjo é mais seguro nos ladrilhos do tipo hidráulico e porcelanatos de corte reto.


Confira a notícia no site do Jornal A Tarde.

Volta para lista